Foi Assim – Lupicínio Rodrigues Filho

Foi Assim – Lupicínio Rodrigues Filho

Lupicínio Rodrigues Filho 114 páginas
5.0/5.0
SINOPSE

O cronista Lupicínio conta as histórias de suas músicas.

Este livro resgata uma faceta quase desconhecida do imortal compositor gaúcho Lupicínio Rodrigues: o cronista de jornal. Entre fevereiro de 1963 e fevereiro de 1964, Lupicínio escrevia semanalmente no jornal Última Hora, de Porto Alegre. Neste espaço, ele geralmente comentava suas músicas, contando aos seus leitores as origens de composições imortais como Volta, Se acaso você chegasse, Vingança, Foi assim, Brasa, o Hino do Grêmio, entre tantas outras.

Foi Assim é um documento precioso, onde histórias e circunstâncias fundamentais para a compreensão da obra e do autor são reveladas pelo próprio Lupicínio. Num texto simples e deliciosamente poético, o imortal Lupi deixou para a posteridade um registro definitivo de sua história pessoal, de suas músicas, da cidade de Porto Alegre no início dos anos 60 e da própria Música Popular Brasileira.

Leia também...

Controle Total – David Baldacci...
Controle Total – David Baldacci...
A jovem advogada Sidney Archer vivia uma vida de sonhos a...
Detalhes
A Ilha das Trevas – José Rodrigues dos...
A Ilha das Trevas – José Rodrigues dos...
Paulino da Conceição é um timorense com um terrível s...
Detalhes
Artistas dos Ossos – Asylum Vol 2 ̵...
Artistas dos Ossos – Asylum Vol 2 ̵...
Oliver é um adolescente que tenta economizar dinheiro para ...
Detalhes
Outra volta do Parafuso – Cory Doctoro...
Outra volta do Parafuso – Cory Doctoro...
Esta novela de terror narra estranhos episódios ocorrido...
Detalhes